Idade Média

20 fevereiro 2009

Fidelidade feudal ao senhor: conselho de uma mãe nobre

Filed under: Uncategorized — idademedia @ 23:52

Ato de vassalagem de Carlos o Mau, rei de Navarra a Carlos V da França, Glória da Idade Média
A partir da época carolíngia existiu aquilo a que se poderia chamar uma mística da vassalagem: uma vida interior forjando em inúmeros vassalos a dedicação absoluta pelo seu senhor, razão de ser essencial da instituição. O caráter religioso da fidelidade jurada contribuiu imensamente para alimentar essa chama.

Belo exemplo dessa fidelidade pode ser visto ao ler a exortação dirigida em 843, por uma mulher de alto nascimento e grande cultura, Dhuoda, esposa do Marquês Bernardo de Septimania, a Guilherme, seu filho mais velho. Dhuoda exorta-o à fidelidade para com o senhor, a quem o seu pai decidiu que viesse a ser recomendado. Não há dúvida de que esse senhor é o próprio rei Carlos, o Calvo. Mas é um rei cujo poder é contestado. Todo o texto mostra que a apaixonada dedicação que a mãe exige de seu filho para com Carlos é a dedicação do vassalo para com o seu senhor. Reproduzimos aqui algumas passagens desse texto:

Submissão de São Luis a Inocencio IV em Cluny, Glória da Idade Média“Uma vez que Deus e Bernardo, teu pai, te escolheram para servires a Carlos, a quem tens por senhor, na flor da tua juventude, sustenta o que é da tua raça, ilustre pelos dois ramos.

“Não sirvas de maneira a agradar somente pela vista ao teu senhor, mas conserva-lhe, em tudo, com todo senso, uma fidelidade intacta e pura de corpo e alma.

“É por isso, meu filho, que eu te exorto a que mantenhas fielmente de corpo e alma, durante toda a tua vida, aquilo cujo encargo tens; que nunca possas ser acusado da loucura da infidelidade; que nunca o mal crie raízes no teu coração, a ponto de te tornares infiel ao teu senhor, seja no que for.

“Não creio seja de recear uma traição da tua parte ou da parte daqueles que contigo servem.

Vassalagem, Glória da Idade Média“Portanto, que tu, meu filho Guilherme, vindo da tua raça, sejas para com teu senhor, como te disse, sincero, vigilante, útil e o mais pronto ao seu serviço.

“Em todas as questões que interessem o poder do Rei, procura dar mostra de senso, em toda a medida das forças que Deus te deu.

“Lê as vidas ou as sentenças dos santos padres de outros tempos, e aí acharás como deves servir o teu senhor e ser-lhe útil em todas as coisas.

“Em tudo que puderes, aplica-te a executar fielmente as ordens do teu senhor. Toma em consideração também e contempla aqueles que deram mostras de maior fidelidade em servi-lo com perseverança, e aprende com eles a maneira de servir”.

(Fonte: F.L. Ganshof, “Que é o feudalismo?” – p. 51)

Desejaria receber atualizações instantâneas e gratuitas em meu email. Hoje recebem:
CRUZADAS CASTELOS CATEDRAIS HEROIS ORAÇÕES CONTOS CIDADE
AS CRUZADASCASTELOS MEDIEVAISCATEDRAIS MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISCONTOS E LENDAS DA ERA MEDIEVALA CIDADE MEDIEVAL

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: